Friday, 25 September 2020

Takashi Kokubo ‎– Oasis Of The Wind II ~ A Story Of Forest And Water (1993)

Style: Ambient, New Age, Field Recording
Format: CD, Vinyl
Label: Studio Ion

Tracklist:
1.   Mori no mezame ("Awakening of the forest")
2.   Natsu no kioku ("Summer memory")
3.   Haruka naru aoi hoshi ("Distant blue star")

Credits:
Mastered By – Shinichi Kikuchi
Producer, Composed By, Arranged By, Mixed By – Takashi Kokubo

Notes:
Takashi Kokubo (小久保隆) released ten albums over the course of 1992-93 in what is called the "Ion Series". These ten albums were released in two five-album sub-series, one in 1992 and one in 1993. This album is the first part of the latter sub-series released in 1993, making it the sixth album in the Ion Series.

Da Chick ‎– Conversations With The Beat (2020)

Genre: Electronic, Hip Hop, Funk / Soul
Format: CD, Vinyl, FLAC
Label: Discotexas 

Tracklist:
1.   conversations
2.   sente
3.   do your thang
4.   377
5.   mustang
6.   drum rack
7.   watch me go
8.   okay away
9.   less is more

Notes:
Singer, songwriter and recent producer of her own music on 'conversations with the beat', Da Chick keeps mutating in search of freedom and new ways to express her vision and creativity. " 'conversations with the beat' comes from the need to create music at my rhythm, but also from my curiosity to explore sounds and noises messing around with machines and instruments and evolving with them over time". Always very mindful about her image, videos and performances on stage Da Chick speaks to us not only with melodies and words, but also with colors and visual dreams. From Electro to Disco, from Boogie to Dub, from singing to producing music, Da Chick seems to be just getting started on a long journey through her music and soul. 'conversations with the beat' will be out on Discotexas on February 28th 2020.

Agora podemos confirmar o que já suspeitávamos, Da Chick ergueu-se como uma verdadeira revelação e prova máxima de que com de dedicação e força de vontade conseguimos explorar os limites do nosso talento. E o resultado não poderia ter sido algo mais refrescante do que o que “conversations with the beat” tem para oferecer.

Sucessor do álbum “Chick to Chick” de 2015 (produzido por colegas da Discotexas – Moullinex, Xinobi, Cut Slack e Isac Ace) e do EP “Call Me Foxy” de 2017 (co-produzido pelo produtor francês Saintard), ambos donos de um som funk mais caloroso e explosivo, o novo lançamento de Da Chick opta por seguir um caminho diferente. Os sons mais relaxados e fluídos borbulharam à superfície das sensibilidades da artista, possivelmente como fruto da liberdade que sentiu como produtora e por este ter sido a sua primeira experiência a gravar em casa e não em estúdio.

À primeira vista, “conversations with the beat” parece ser uma conquista de novos sons, mas para ouvidos mais atentos, a atração de Da Chick pela sonoridade aqui apresentada já era palpável e esteve sempre presente, como nas canções ‘Miss Darkness’ e ‘Until Night Is Day’ do seu primeiro álbum. Mas os ritmos abrandaram e as pausas aumentaram como nunca anteriormente, e o detalhe com que Da Chick preenche cada momento do álbum parece o negativo da fotografia que a carreira dela tinha colorido até agora.

A conquista do desconhecido e o abraçar do desconfortável neste projeto conduziram ao amadurecimento de Da Chick como artista, e se estar em conversa com a batida é o presente dela, já ansiamos por um passo ainda mais ambicioso no futuro.  
Inês Pinto / Revista Variações